[Resenha] : Um jeito de família - Tony Parsons


Cat. a primogênita, não quer trazer ao mundo uma criança que vá sofrer, como ela, nas mãos de uma mãe tirana; Jéssica, irmã do meio , tenta engravidar a qualquer custo; e Megan, caçula, após passar uma noite com um instrutor de mergulho, é surpreendida por uma gravidez. Com uma escrita ágil e empolgante, Tony Parsons comprova que, sim, os homens podem se aventurar no gênero chick-lit, sem sustos.





Eu comprei esse livro na bienal há dois anos atrás e sinceramente, não sei porque demorei tanto a ler ele. Gente que livro maravilhoso , sério, eu amei!!! 

         A história começa com as três irmãs Cat, Jéssica e Megan ainda pequenas sendo abandonada pela mãe e passando a morar apenas com o pai que trabalhava muito e as três acabavam ficando sozinhas o dia todo. Cat era a mais velha e sempre foi a quem cuidou das irmãs mais novas e isso não se tornou diferente quando elas se tornaram lindas mulheres adultas com suas respectivas vidas independentes. 

          Cat é sócia de um restaurante em Londres, nunca quis se casar e muito menos ter filhos, ela não queria ter crianças para que elas sofressem com o mundo do jeito que ela havia sofrido, com todas as responsabilidades para cima dela. Tinha um namorado mais velho divorciado e que possuía um filho,ele havia feito a vasectomia e não podia mais ter outros filhos e isso a confortava, afinal ela não queria ser mãe.



          A irmã do meio Jéssica era casada com Paulo e lutava todos os dias para conseguir engravidar e suas tentativas sempre eram em vão, até ela descobrir que tinha endometriose e isso dificultava a possibilidade de engravidar mas não era impossível. Megan a irmã caçula era a princesinha da família, inteligentíssima, médica, mas sofreu uma grande desilusão amorosa quando viu seu namorado com outra. Se jogou na vida de solteira e em uma festa conheceu um australiano mergulhador com quem acabou transando, o que ela mal esperava era que fosse engravidar daquele cara que ela mal conhecia.Pensou em fazer um aborto, mas no dia que foi juntamente com as irmãs á clínica ela desistiu e decidiu manter aquela vida entro dela. Logo após Megan decidir ter o filho Jéssica conta para ela um segredo que a assola desde a adolescência que só a irmã mais velha sabia, que aos 16 anos Jéssica engravidou em sua primeira vez e fez um aborto, ela se culpava por isso já que agora adulta ela daria tudo por aquele filho. Depois de passado algum tempo Jéssica consegue engravidar, mas acaba perdendo o bebê o que destrói seu coração em pedacinhos.

           Cat agora se depara com uma nova realidade, ela vê o desejo pela maternidade crescer em seu coração, mas não quer admitir. Ela acaba terminando o namoro com Rory por ele ser incapaz de dar um filho a ela. Já Megan começa a passar por algumas conturbações na gravidez e descobre que a bebê pode nascer prematura e que ela corre risco de vida. 



         O livro gira em torno da relação das três irmãs perante todas as situações em suas vidas , com brigas e desentendimento, mas no final elas sempre se entendem e mostram o valor de uma família. Acontecem tantas coisas que se eu fosse escuever aqui iria se tornar mais cansativo do que já está, então eu deixo essa tarefa para vocês, se tiverem a oportunidade de ler esse livro leiam. Super recomendado!!!!
© Seu Blog Aqui - 2017 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Renata Massa | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo